terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Fusões e Aquisições: dicas importantes!

Olá a todos!
Hoje trago para discussão um tema de interesse geral, nesse caso, operações de fusões e aquisições de empresas.
É sabido que inúmeras negociações dessa natureza restam infrutíferas ou interrompidas por conta da existência de irregularidades encontradas durante os processos de "due diligence".
 E o que fazer para evitar esse tipo de desgaste?
Análise prévia da real situação das empresas envolvidas nessas transações.
Para tanto, destaco principais pontos de atenção:
a) A documentação societária está em ordem?
b)   As demonstrações financeiras refletem a realidade da empresa? 
c) A empresa e seus sócios possuem pendências administrativas e/ou judiciais?
Essa radiografia da sociedade e/ou seu ativo é de suma importância para continuidade da negociação em curso, bem como, definição de sua valoração.
O mesmo esforço também poderá facilitar acesso a outras alternativas para expansão de seus negócios, tais como:
a) empréstimos privados e públicos;
b) incentivos fiscais; e 
c) recursos via mercado de capitais.
Destaca-se, finalmente, a importância de relacionamento ético e transparente dos envolvidos com todos os "stakeholder´s" como forma de criar uma boa percepção de valor perante o mercado.
Portanto, recomenda-se preparação prévia das empresas antes de iniciar qualquer processo de fusão e/ou aquisição mediante adoção de boas práticas de governança corporativa.
Um forte abraço!
Roberto Goldstajn

Nenhum comentário:

Postar um comentário